Operação Noite Tranquila completa 4 anos como maior programa de combate a pancadões de São Bernardo

Neste período, mais de 18 mil ocorrências de perturbação do sossego foram atendidas pela GCM, enquanto 343 estabelecimentos foram lacrados

Por Evandro Queiroz 13/05/2021 - 20:04 hs
Foto: Ricardo Cassin - PMSBC
Em vigor desde maio de 2017, a Operação Noite Tranquila completou nesta quinta-feira (13/05) quatro anos, sendo considerado o maior programa de combate a pancadões e ocorrências de perturbação do sossego da história de São Bernardo. Referência para demais cidades do País, a estratégia atingiu neste mês a marca de 18.817 mil ocorrências atendidas, resultando na dispersão de 3.697 pontos de aglomeração e no fechamento de 343 estabelecimentos comerciais. 
 
Os números foram apresentados nesta noite pelo prefeito Orlando Morando durante visita a base da ROMU (Ronda Ostensiva Municipal), no Alves Dias. Na oportunidade, acompanhado do secretário de Segurança Urbana, Coronel Carlos Alberto, e do comandante da GCM, Carlos César, o chefe do Executivo destacou os resultados obtidos pela operação. 
 
“Depois do Noite Tranquila, nossos moradores puderam a voltar a dormir tranquilamente. Isso são relatos que escutei da nossa própria população. São 4 anos onde a GCM tem atuado com rigor no combate as festas irregulares. Quero aqui agradecer os quase 900 profissionais da corporação por devolver a paz e permitir que os trabalhadores de bem voltem a dormir. Em São Bernardo é tolerância zero para pancadão”, destacou Morando. 
 
Segundo o chefe do Executivo, as ações refletem os investimentos empenhados pela Administração municipal na área da Segurança como a entrega de novo armamento, renovação da frota de veículos da GCM, inauguração de novas bases de segurança e valorização de guardas municipais. 
 
Em quatro anos de operação, o Noite Tranquila acumulou a apreensão de 1.162 veículos e 175 aparelhos de som, enquanto 16.052 pessoas foram abordadas, 7.528 veículos vistoriados e 165 pessoas conduzidas aos distritos policiais espalhados pela cidade pelas mais variadas ocorrência. 
 
ESTRATÉGIA
 
Realizada diariamente em todo território, a Operação Noite Tranquila reúne grande efetivo da guarda e das Polícias Militar e Civil, que atuam de forma conjunta na saturação de viaturas em bairros estratégicos, rondas, monitoramento de vias públicas com alta concentração de pessoas e bloqueios com foco em veículos equipados com aparelhagem de som. Os locais de atuação são definidos previamente pelo Comando da GCM, por meio dos serviços de inteligência da guarda e da Polícia Militar (PM) e de denúncias da população. 
 
A iniciativa conta ainda com profissionais da Vigilância Sanitária, Secretaria de Obras e Planejamento Estratégico, agentes de trânsito e fiscais de postura da Secretaria de Serviços Urbanos. 
 
“A operação tornou-se modelo e referência para demais forças policiais do Brasil, justamente, pela sua efetividade, com redução de ocorrências criminais, e por integrar numa única ação diversos órgão públicos. Completar quatro anos de ação com resultados expressivos como esses só reforça que estamos no caminho certo”, ponderou o secretário de Segurança Urbana, Coronel Carlos Alberto. 
 
DENÚNCIA
 
Para registrar queixas de volume excessivo e demais atividades nas quais forem constatadas ilegalidades, moradores devem acionar a GCM pelo telefone 153. A queixa também pode ser feita através do aplicativo SBC Na Palma da Mão ou pelo canal 190 da Polícia Militar. 

 

 

Fonte: Daniel Macário